Os avanços no campo da robótica têm nos aproximado cada vez mais da vida que vemos em obras de ficção científica. Veículos autônomos e casas inteligentes já são realidade, mas a Mercedes-Benz decidiu dar um passo adiante e apresentar um carro capaz de ler a mente do motorista.

A solução futurística faz parte do Vision AVTR, um carro-conceito da marca, e poderá ser testada durante o evento IAA Mobility 2021, que ocorre durante esta semana em Munique, na Alemanha. O modelo havia sido apresentado pela primeira vez na CES 2020.

Com a nova funcionalidade, basta que uma pessoa pense em determinadas ações que ela gostaria que o Vision AVTR executasse para que ele obedeça. Embora ler pensamentos seja comumente associado a algo sobrenatural, o truque por trás da novidade da Mercedes-Benz mostra apenas o futuro da robótica.

Como o Vision AVTR consegue ler mentes

A tecnologia funciona a partir de uma percepção visual. A capacidade de ler a mente do motorista é resultado de uma interação entre os pontos de luz projetados no painel digital do carro e um dispositivo BCI (sigla em inglês para “interface cérebro-computador”) com eletrodos wearable que são conectados à parte de trás da cabeça do usuário.

Para que o recurso opere corretamente, é necessário um breve período de calibração, o que permite que o dispositivo grave e mensure a atividade cerebral. Assim, quando o motorista focar em algum ponto específico do painel, será possível detectar isso e executar a ação pretendida. 

De acordo com a Mercedes-Benz, o processo de “controlar coisas com o poder do cérebro” ocorre em quatro passos:

  1. Concentre-se em um símbolo
  2. O córtex reage
  3. O dispositivo BCI mede e analisa as ondas cerebrais; envia sinais para o computador de bordo
  4. O computador executa a função

O Vision AVTR estará em exibição no estande da Mercedes-Benz durante o IAA Mobility 2021 para que os participantes do evento possam testar essa nova promessa no campo da robótica. 

Vision AVTR

O Vision AVTR foi batizado em homenagem ao filme Avatar. Para quem não lembra, na obra de ficção científica, os personagens são capazes de estabelecer conexões neurais com a natureza ao seu redor — daí a associação com o dispositivo BCI do novo veículo. 

As referências ao filme Avatar também são visíveis no próprio design. A parte traseira conta com um revestimento que parece simular escamas, uma característica dos personagens fictícios do cinema.

Em relação à robótica, o conceito futurístico do Vision AVTR não se limita apenas à habilidade de ler mentes. Ao entrar no carro, o motorista não irá encontrar um volante, mas um controle central em que é necessário apenas colocar a mão sobre ele para que o veículo reconheça o motorista e comece a funcionar.

Outra novidade é que as rodas do Vision AVTR são capazes de girar de modo que o carro consiga se mover lateralmente, como um caranguejo, segundo a Mercedes-Benz. 

A fabricante ainda investiu em sustentabilidade para o seu carro-conceito.O veículo foi construído a partir de materiais reciclados, couro vegano, bateria orgânica, além de contar com uma atenção a emissões de poluentes e consumo de energia durante o processo de fabricação. 

Deixe um comentário
Você também pode gostar