É muito comum que a população brasileira acredite que o ensino superior é o único meio para o sucesso financeiro. Contudo, ainda que pareça ser difícil imaginar, existem profissões que ganham bem e não precisam de faculdade no Brasil. 

Mesmo que ingressar em um curso superior possa se mostrar uma opção interessante para quem almeja bons salários, existem alternativas que exigem mais habilidade do que diploma. 

Além disso, existem muitos cursos profissionalizantes, que não necessariamente envolvem uma faculdade ou universidade, que poderão servir para o currículo e, consequentemente, um bom ganho mensal.

Neste artigo sobre profissões que ganham bem e não precisam de faculdade, você poderá aprender mais sobre:

  1. Desenvolvedor de software;
  2. Tatuador;
  3. Piloto de avião;
  4. Manutenção de celulares e computadores;
  5. Manobrista de navio;
  6. Corretor imobiliário;
  7. Fotógrafo;
  8. Digital influencer;
  9. Artesão;
  10. Atleta.

1. Desenvolvedor de software

Profissões que ganham bem e não precisam de faculdade desenvolvimento de software

Uma pessoa desenvolvedora de software pode ser considerada uma das mais requisitadas dentro do mercado de trabalho, visto que trabalha diretamente com tecnologia e é capaz de criar sistemas que promovem facilidade para vários departamentos dentro das empresas.

O que faz esse profissional?

Uma pessoa desenvolvedora de software, comumente, escreve linhas de código de programação, realiza testes e busca tornar as suas aplicações mais aprimoradas a fim de serem lançadas no mercado. Dessa forma, a pessoa especialista na área pode buscar se especializar em: back-end, front-end e full stack.

De uma forma geral, essas 3 grandes áreas podem ser definidas como:

  • Front-end: trabalham com a parte mais explícita de uma aplicação, que é onde a pessoa usuária costuma interagir;
  • Back-end: trabalham com a estruturação de um site, ou seja, a parte implícita e que faz o todo funcionar;
  • Full stack: trabalham com ambas as áreas acima.

Como começar e se desenvolver na área?

Ainda que um curso superior não seja necessário para entrar na área de desenvolvimento de software, a busca por cursos é extremamente importante. 

Por isso, uma das melhores recomendações é o curso para pessoas desenvolvedoras da Trybe, com uma formação completa e uma forte conexão com o mercado de trabalho em 12 meses.

No curso em questão, é possível aprender sobre:

  • Fundamentos desenvolvimento web;
  • Desenvolvimento front-end;
  • Desenvolvimento back-end;
  • Introdução à Ciência da Computação;
  • Soft Skills.

Além de oferecer conteúdos completos para todas as pessoas participantes, a formação também conta com o Modelo de Sucesso Compartilhado, uma iniciativa que faz com que a pessoa estudante pague por ela somente se e quando estiver trabalhando, recebendo um valor mínimo mensal de R$3.000,00. 

Mais informações podem ser encontradas no link anterior.

Qual o salário?

O salário de uma pessoa desenvolvedora de software pode ser dividido da seguinte forma, a depender da região do Brasil:

  • Salário inicial: a partir de R$ 3.000,00
  • Salário médio: a partir de R$ 5.550,00
  • Salário de pessoas mais experientes na área: acima de R$ 9.000,00

2. Tatuador

Tatuador

Uma pessoa que deseja entrar na área de tatuagens pode acabar se encontrando no mar de profissões que ganham bem e não precisam de faculdade. Quem se especializar na área trabalhará com arte, ou seja, fará desenhos sobre a pele de outra pessoa, mas com traços definitivos.

O que faz esse profissional?

Tatuar é a arte de criar desenhos, sejam de sua autoria ou não, sobre a pele das pessoas. Além disso, quem atua na área também pode realizar coberturas de tatuagens antigas, bem como arrumar falhas que foram deixadas na pele por um trabalho não tão completo.

Além de expressar simpatia pela arte e ter talento, é válido que a pessoa tatuadora busque sempre se desenvolver, buscando técnicas confortáveis e, também, mantendo a organização em um estúdio próprio ou de pessoas terceiras. 

Ter higiene, manter a saúde como prioridade e garantir segurança nesse ambiente são apenas princípios básicos.

Como começar e se desenvolver na área?

Ainda que se tornar uma pessoa tatuadora possa estar na lista de profissões que ganham bem e não precisam de faculdade, é necessário fazer alguns cursos para entender um pouco mais da área

Pensando nisso, as melhores formações que estão disponíveis no momento são:

Os cursos anteriormente mencionados ajudarão a compreender o processo criativo, bem como quais são os cuidados necessários para manter a segurança tanto da pessoa que tatua quanto da tatuada.

Qual o salário?

 O salário de uma pessoa tatuadora pode variar muito, mas, de acordo com alguns portais e dependendo da região do Brasil, pode ser dividido da seguinte forma:

  • Salário inicial: a partir de R$ 1.000,00
  • Salário médio: a partir de R$ 6.097,00
  • Salário de pessoas mais experientes na área: acima de R$ 29.647,00

3. Piloto de avião

Piloto de avião

Uma pessoa que decide seguir na carreira de pilotagem pode ter muitas possibilidades, pois comanda voos e, também, conduz aeronaves por uma rota que foi previamente estabelecida por companhias aéreas. 

O que faz esse profissional?

Uma pessoa que pilota um avião precisa se dedicar muito a um curso, passando por dezenas etapas de preparação, visto que há uma enorme responsabilidade em suas mãos. Ainda que não haja a necessidade de cursar uma faculdade, é preciso desembolsar um valor considerável para seguir carreira.

Todos os gastos que forem efetuados ao longo da formação poderão ser compensados com o salário recebido no futuro. Afinal, quem atua na área costuma ser muito bem remunerado, conseguindo recuperar os gastos em pouco tempo de atuação. Logo, é um esforço válido a longo prazo.

Como começar e se desenvolver na área?

Para que a pessoa comece a pilotar é indispensável realizar cursos preparatórios. Por meio dessa formação, estudantes terão aulas teóricas, exames e práticas para garantir que consigam permanecer voando sem causar prejuízo a ninguém ao longo do voos.

É muito comum que as pessoas que finalizam o curso recentemente sejam direcionadas para voos particulares. No entanto, ao ganharem experiência, poderão começar a pilotar voos comerciais. Quanto mais horas de experiência forem adquiridas, melhor a posição de trabalho. 

Qual o salário?

De uma maneira geral, o salário de uma pessoa que decide pilotar é dividido da seguinte forma:

  • Salário inicial: a partir de R$ 4.857,00
  • Salário médio: a partir de R$ 6.153,81;
  • Salário de pessoas mais experientes na área: acima de R$ 15.065,10.

4. Manutenção de celulares e computadores

Profissões que ganham bem e não precisam de faculdade conserto de celulares e computadores

Querendo ou não, trabalhar com tecnologia acaba abrindo muitas portas, tendo em vista a grande requisição da era digital. Por isso, as pessoas que escolhem seguir pela área de manutenção de celulares e computadores podem ganhar muito dinheiro sem a necessidade de entrar em uma universidade.

O que faz esse profissional?

Uma pessoa que segue pela área de manutenção de celulares e computadores acaba trabalhando diretamente com problemas técnicos e físicos de um aparelho, além de passar orientações para que as pessoas atendidas consigam preservar, da melhor forma possível, os seus equipamentos.

Além disso, também é possível que a pessoa responsável por essa função realize consertos, trocas de peças, reparo de peças, manutenção de aparelhos, atualização de sistema contido em celular e ou computadores, bem como o desbloqueio do equipamento para a utilização correta.

Como começar e se desenvolver na área?

Não é necessário ter nenhuma graduação para começar a agir na área de manutenção de celulares e computadores. No entanto, é válido buscar por cursos que sejam uma espécie de bússola para desempenhar a função. Dessa forma, algumas indicações são cabíveis:

Qual o salário?

O salário aproximado é dividido da seguinte forma:

  • Salário inicial: a partir de R$ 1.500,00
  • Salário médio: a partir de R$ 2.500,00
  • Salário de pessoas mais experientes na área: acima de R$ 4.000,00

5. Manobrista de navio

Manobrista de navio

A área de manobrista de navio pode ser considerada uma das profissões que mais ganham sem faculdade, tendo em vista que a atividade exercida toma como base conhecimentos de locais e de características do ambiente onde a pessoa está.

O que faz esse profissional?

A pessoa que se torna manobrista é aquela que possui especialização em embarcações e em suas características, já que tem o papel de navegar, conduzir e manobrar navios

Também será preciso que a pessoa responsável pelo navio conheça bem características geográficas, como ventos, correntes, portos e como os mares se comportam em determinados climas e momentos. O conhecimento acerca de perigos no mar é indispensável.

Como começar e se desenvolver na área?

Mesmo que não seja preciso fazer uma faculdade para se tornar manobrista de navio, é necessário se especializar na área. Para isso, é válido procurar por cursos para se habilitar a concursos públicos.

Pelo Brasil, há escolas práticas para aprender a como manobrar o navio da maneira correta e, também, a observar as características relevantes do mar para uma boa condução. No entanto, ainda que esta profissão não exija universidade, a oferta por esses cursos não é tão grande.

Qual o salário?

O salário de uma pessoa manobrista de navio pode ser dividido da seguinte forma:

  • Salário inicial: a partir de R$ 14.00,00
  • Salário médio: a partir de R$ 25.000,00
  • Salário de pessoas mais experientes na área: acima de R$ 300.000,00

6. Corretor imobiliário

Profissões que ganham bem e não precisam de faculdade corretor imobiliário

A pessoa corretora de imóveis é aquela que trabalha diretamente com a compra, venda e aluguel de imóveis, sejam casas, prédios comerciais ou apartamentos. Para seguir nessa área, é imprescindível que haja uma facilidade para a negociação e, também, para compreender as dores de clientes.

O que faz esse profissional?

A pessoa que decidir trabalhar nessa área precisa saber como realizar uma negociação certeira. Será preciso dar suporte às pessoas atendidas, entregar orientações válidas e, também, prestar explicações necessárias para que a compra do imóvel seja finalizada sem grandes empecilhos.

É preciso que a pessoa corretora fique atenta à parte burocrática do negócio, mostrando-se indispensável nesse período. Também é importante saber como captar imóveis para negociar e realizar uma avaliação no local antes de levar às pessoas consumidoras.

Como começar e se desenvolver na área?

Para começar a se desenvolver na área, é necessário procurar por um curso, visto que há a necessidade de se registrar no CRECI — órgão que regulamenta a profissão. No mercado, existem algumas opções disponíveis para aperfeiçoar o lado das vendas por parte das pessoas interessadas na área de corretagem.

Dentre as melhores opções, estão:

  • Cursos de avaliação de imóveis;
  • Cursos de técnicas de vendas e negociação de imóveis;
  • Cursos de administração imobiliária;
  • Cursos de gestão de negócios imobiliários e da Construção Civil;

Qual o salário?

O salário de uma pessoa corretora de imóvel pode ser definido da seguinte forma, aproximadamente:

  • Salário inicial: a partir de R$ 2.012,00
  • Salário médio: a partir de R$ 3.008,00
  • Salário de pessoas mais experientes na área: acima de R$ 4.514,00

7. Fotógrafo

Profissões que ganham bem e não precisam de faculdade fotógrafo

É muito comum que as pessoas sonhem em ser fotógrafas e, felizmente, essa área está na lista de profissões que ganham bem e não precisam de faculdade. Afinal, tirar fotografias vai muito além de um emprego, pois também exige um certo talento para a arte e para a percepção de ambientes.

 O que faz esse profissional?

A pessoa fotógrafa tem como principal função utilizar sua máquina fotográfica para registrar imagens e momentos. Caso tenha especialização, poderá realizar o tratamento das fotografias que foram captadas e, também, realizar uma curadoria para entregar o melhor às pessoas consumidoras dessa arte.

Como começar e se desenvolver na área?

Quem desejar seguir a profissão precisará saber como lidar com pessoas e, também, se comunicar. Proatividade e criatividade são elementos que não poderão faltar. Saber como controlar o tempo para terminar os ensaios no horário marcado também deverá ser levado em consideração.

É possível investir em cursos técnicos para fotografias, tendo em vista que há uma infinidade de opções no mercado. Além disso, também é importante estudar sobre a História da Arte e elementos de composição para tornar o trabalho mais profissional e atrativo.

Qual o salário?

  • Salário inicial: a partir de R$ 1.244,00
  • Salário médio: a partir de R$ 1.800,00
  • Salário de pessoas mais experientes na área: acima de R$ 2.726,00

8. Digital influencer

Digital Influencer

Graças à internet e às novas tecnologias, se tornar uma pessoa “influenciadora” acabou virando algo acessível. Atualmente, basta ter um bom celular para gravar e muita criatividade para postar vídeos em plataformas como o YouTube, Instagram e TikTok, tendo em vista que estão em alta.

O que faz esse profissional?

De uma maneira geral, uma pessoa influenciadora nas mídias é aquela que traz informação e entretenimento para as redes sociais a fim de reunir seguidores que sejam favoráveis às suas atitudes. Também é possível chamar a pessoa profissional de “creator”, pois criam conteúdo para a internet.

Algumas das personalidades que têm servido de referência nos últimos tempos são Whindersson Nunes, Manu Gavassi, Cellbit e Boca Rosa. Não é necessário se fixar em uma única área nos conteúdos, mas ter um plano bem definido poderá ser útil para organizar uma rotina de produção.

Como começar e se desenvolver na área?

Existem muitos cursos disponíveis no mercado para quem deseja se desenvolver na área. No entanto, também é possível filtrar dicas dos próprias pessoas influenciadoras que já estão atuando, tendo em vista que a maior parte divulga suas rotinas por meio de vídeos rápidos.

Para que uma pessoa se torne digital influencer, é necessário escolher um nicho onde deseja atuar, pelo menos de início. Também será preciso criar conteúdos relevantes, pois é válido levar em consideração que já existem milhões de perfis na internet. Interagir e incentivar essa interação também é uma excelente ideia.

Para que seja possível se tornar influencer, é válido procurar por cursos que:

  • Foquem nas interações sociais;
  • Expliquem como produzir vídeos de qualidade;
  • Mostrem como manusear equipamentos;
  • Ensinem a fazer um bom enquadramento para a produção de conteúdo.

Qual o salário?

O salário de uma pessoa influenciadora digital varia muito de acordo com a quantidade de pessoas seguidoras e de influência que ela carrega. Em média, podemos definir assim:

  • Salário inicial: a partir de R$ 1.519,00
  • Salário médio: a partir de R$ 4.000,00
  • Salário de pessoas mais experientes na área: acima de R$ 500.000,00

9. Artesão

Artesão

A pessoa que escolhe trabalhar com artesanato tende a dominar vários recursos voltados para a produção manual de peças e objetos. Na maior parte dos casos, possui uma formação técnica ou, até mesmo, aprende por conta própria a manusear determinados materiais, como a argila e o biscuit.

O que faz esse profissional?

De uma maneira geral, é possível dizer que a pessoa que trabalha com artesanato precisa dominar técnicas voltadas para a produção manual. Ela pode moldar esculturas, fazer bonecos, criar peças com cerâmica e muitos outros materiais que, de alguma forma, possam ser manuseados.

Todas as criações estão diretamente ligadas com a fonte de inspiração da pessoa artista e, também, em suas características. Dessa maneira, ao vender a sua obra, a pessoa artesã poderá explicar seus diferenciais e mostrar a qualidade da produção realizada anteriormente.

Como começar e se desenvolver na área?

Ser uma pessoa artesã está na lista de profissões que ganham bem e não precisam de faculdade, visto que a maior parte de quem trabalha na área acabam se qualificando apenas com cursos de curta duração. Atualmente, é fácil encontrar até conteúdo gratuito voltado para o artesanato, principalmente para peças em biscuit.

Dentre os principais, estão:

É válido lembrar que, com o passar do tempo, a pessoa poderá escolher seu próprio estilo de trabalho e, também, criar técnicas adequadas para o tipo de trabalho realizado, o que vai gerar uma maior autonomia após dar os primeiros passos.

Qual o salário?

O salário de uma pessoa que trabalha com artesanato também é muito variável. Porém, de acordo com levantamentos, pode ser definido da seguinte forma:

  • Salário inicial: a partir de R$ 1.019,00
  • Salário médio: a partir de R$ 1.295,00
  • Salário de pessoas mais experientes na área: acima de R$ 1.805,00

10. Atleta

Atleta

Ser atleta exige muita dedicação, empenho e esforço físico, levando em consideração a necessidade de apresentar um bom desempenho em competições. No entanto, esta pode ser uma das profissões que ganham bem e não precisam de faculdade desde que a pessoa tenha um bom agenciamento e o preparo adequado.

O que faz esse profissional?

Pessoas que seguem pela linha do atletismo são aquelas que dedicam boa parte da sua vida ao esporte e, em determinado momento, começam a receber remuneração para isso. A área de atuação pode ser muito ampla, passando pela natação e chegando até as pistas de corrida.

Para que seja possível alcançar esse sonho, será preciso manter um bom condicionamento físico e ter conhecimentos básicos na área de seu esporte. Além disso, a disciplina, a determinação e o amor pela profissão também contam muito, visto que garantem um desempenho ainda melhor.

Como começar e se desenvolver na área?

Não é necessário fazer uma faculdade para se tornar atleta. Além disso, não existem muitas opções de cursos técnicos no mercado. No entanto, é possível buscar por locais que prestam apoio a atletas dentro do seu estado de residência, além de procurar pessoas treinadoras específicas para começar um desenvolvimento direcionado.

O importante é que, para começar e crescer na área, a pessoa que envereda para o atletismo mantenha sempre um bom condicionamento físico por meio de outras atividades recomendadas, como a corrida. Buscar uma consultoria nutricionista também pode se mostrar importante.

Para os esportes que não exigem tanta disposição física, como os eletrônicos e xadrez, o estudo das técnicas e a prática é essencial. Logo, é necessário dedicar bastante horas do dia na realização do esporte. 

Qual o salário?

 O salário de uma pessoa atleta, a depender da modalidade, região e alcance, pode ser dividido da seguinte maneira:

  • Salário inicial: a partir de R$ 1.495,00
  • Salário médio: a partir de R$ 11.189,79
  • Salário de pessoas mais experientes na área: acima de R$ 41.794,29

A Faculdade ainda é importante?

Fazer faculdade é, sim, muito importante, principalmente porque o conhecimento nunca é demais. Além disso, muitas empresas acabam dando preferências às pessoas que possuem uma graduação de nível superior, pois partem do pressuposto que há mais experiência e compreensão da área onde atuarão.

No entanto, é válido ressaltar que cursos profissionalizantes, sejam eles gratuitos ou não, também poderão oferecer um ótimo rumo profissional para quem precisa. Para isso, é importante procurar opiniões acerca desses conteúdos e se dedicar ao máximo para aprender o que foi proposto.

Existem muitas profissões que ganham bem e não precisam de faculdade no Brasil. Ainda assim, é preciso que as pessoas que desejam ganhar dinheiro se interessem por aprender e, consequentemente, evoluam em sua área de preferência. Por isso, o conhecimento nunca deve ser dispensado.

Continue lendo, agora sobre como se tornar uma pessoa programadora com 22 dicas essenciais!

0 Shares:
Você também pode gostar