As transformações que a pandemia da Covid-19 trouxe para o mundo apontam para uma mudança definitiva no modelo de trabalho. De acordo com uma pesquisa feita pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (IMT), o trabalho híbrido vai mesmo dominar o universo corporativo.  

O estudo, feito com 1.400 entrevistados, mostra que o trabalho híbrido efetivo traz muitos benefícios para a empresa e para os funcionários: maior produtividade, melhor foco, aumento do tempo destinado às atividades de lazer e à família, redução de custos, entre outros.

Os dados do MIT também apontam que 93% dos entrevistados querem manter o esquema de home office em, no mínimo, um dia da semana. Das pessoas que não querem mais voltar ao modelo presencial de trabalho, quase 50% têm entre 35 e 44 anos.

A partir desses e outros pontos estatísticos levantados pela pesquisa, além de outras análises feitas sobre as tendências do mercado de trabalho, foi possível concluir que a expectativa é que cerca de 80% das empresas brasileiras devem adotar algum tipo de home office pós-pandemia: seja de forma 100% remota ou no formato híbrido.

Para dar conta da demanda de trabalho virtual que se impôs e deve se consolidar, é preciso recursos tecnológicos que deem conta do excesso de uso de computadores e redes de internet.

O papel do 5G

A tecnologia 5G, que promete alta velocidade em termos de conexão online, deve chegar para ajudar. No Brasil, segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a nova ferramenta deve chegar às capitais até o fim de julho de 2022. Com esse cenário, o trabalho híbrido fica mais viável e eficiente.

Uma das vantagens das redes 5G é a sua capacidade de suportar as demandas crescentes de IoT (Internet of Things), ou seja, da conectividade entre objetos. Elas permitem até um milhão de dispositivos por km², além das altas capacidades de armazenamento e economia de energia em todo o processo.

O 5G pode facilitar o trabalho híbrido também com maior velocidade de responsividade aos comandos. Isso é o que pode garantir o suporte e estrutura necessária para que os colaboradores tenham um ambiente de trabalho ideal.

Nesse âmbito, algumas empresas de tecnologia saem na frente para garantir que o trabalho remoto tenha as mesmas facilidades e a mesma produtividade do escritório. A Motorola, por exemplo, tem aparelhos robustos e economicamente acessíveis, compatíveis com a tecnologia do 5G, que incentivam essa mudança.

Além disso, contam com tecnologias surpreendentes, como a Ready For, que une jogos, TV, PC e Câmera Smart em um aparelho de celular. Os recursos são fundamentais para tornar o trabalho híbrido uma realidade para todos.

Deixe um comentário
Você também pode gostar