Os sistemas operacionais de código aberto, como Ubuntu e Fedora, fazem parte do dia a dia de qualquer pessoa que trabalha com tecnologia. Eles são poderosos, flexíveis e fáceis de serem personalizados para várias necessidades. Para aproveitar a sua principal ferramenta, o Terminal, saber quais são os melhores comandos Linux é crucial.

Para ajudar você a entender quais são os principais comandos que podem ser utilizados nas distribuições Linux, preparamos o post a seguir. Nele você aprenderá:

  • O que é o terminal;
  • Por que o Terminal é importante
  • Os principais comandos para utilizar distribuições linux no dia a dia
  • 7 comandos que podem ser utilizados para controle e acesso ao sistema
  • 5 comandos para se comunicar utilizando o Linux
  • 6 comandos para a gestão de arquivos e diretórios

Continue a leitura e veja quais palavras-chave utilizar para ter a agilidade e a flexibilidade necessárias para entregar resultados!

O que é o Terminal no Linux

Antes de falarmos sobre os principais comandos Linux, precisamos entrar em detalhes sobre a ferramenta que será utilizada para executar a maioria deles. O Terminal é um console de execução de comandos de texto que está disponível em todos os sistemas operacionais Linux. Essa interface permite a execução de ações rápidas que podem afetar até mesmo níveis inferiores do kernel (que funciona como o alicerce do sistema operacional, comandando todos os controles e funcionalidades básicas).

Por que o Terminal é importante?

O terminal é uma ferramenta fundamental para o trabalho de pessoas programadoras. Ele torna ações comuns mais rápidas, práticas e ágeis. A instalação de programas, a atualização de pacotes e a mudança de configurações de usuários e usuárias,por exemplo, são alguns comandos que podem ser executados.

Nos terminais, pessoas que trabalham com TI também podem executar ações avançadas. A instalação e a modificação de pacotes que permitem o trabalho com linguagens como o PHP é um exemplo. Se você trabalha com o apoio do GitHub, o terminal também pode fazer parte do seu dia a dia, ainda que indiretamente: muitos comandos utilizados na plataforma são semelhantes aos comandos Linux que apresentaremos a seguir.

Em outras palavras, o Terminal proporciona flexibilidade e agilidade para as pessoas que trabalham com TI. No lugar de menus com várias camadas, ações podem ser executadas apenas com alguns toques. Assim, você pode manter o foco contínuo no objetivo: criar soluções inteligentes e inovadoras para o seu público-alvo.

Os principais comandos Linux para utilizar distribuições no dia a dia

A nossa lista começará com os comandos mais tradicionais do Linux. Eles são utilizados para manipular arquivos, acessar diretórios e exibir dados do sistema. Confira!

1. ls

ls lista todos os arquivos disponíveis no diretório que está ativo.

2. df

Com o comando df você pode exibir todo o espaço ocupado no disco rígido acessado no momento.

3. top

O comando top mostra a quantidade de memória RAM utilizada pelo computador.

4. cd

Utilize o cd sempre que você precisar acessar um diretório. Esse comando deve ser acompanhado do endereço da pasta que será acessada. Se ela for uma pasta existente na pasta que está ativa, basta digitar cd /NOME_DA_PASTA.

5. mkdir

Com mkdir você pode criar uma pasta nova dentro do diretório ativo.

6. rm

Utilize o comando rm sempre que você desejar remover um arquivo ou diretório.

7. cat

Com o apoio do cat o terminal abrirá um arquivo selecionado pelo usuário.

8. vi

vi abre um editor de texto com uma interface minimalista. Assim, você pode editar e criar arquivos novos. Ele é útil para modificar configurações avançadas do sistema.

7 comandos Linux que podem ser utilizados para controle e acesso ao sistema

Os comandos a seguir ajudam a utilizar o Linux, acessar recursos em rede e trocar de sistema. Confira!

1. exit

exit permite terminar a sessão existente no terminal. Sempre execute-o após terminar atividades que demandam privilégios administrativos.

2. logout

logout desloga o usuário da sua sessão atual. Porém, fique atento: o logoff será apenas na C shell e na bash shell que estiverem ativas.

3. passwd

Como o passwd é possível trocar a senha do usuário logado rapidamente.

4. rlogin

Utilize o rlogin sempre que você precisar logar em outro sistema Unix/Linux.

5. ssh

ssh é o comando adotado para abrir uma sessão segura. Ele é fundamental para executar atividades em servidores remotos. Porém, é importante verificar se o sistema utilizado é compatível com o protocolo ssh.

6. slogin

A partir do slogin o usuário pode realizar um login com controles avançados de segurança em um sistema Linux/Unix.

7. yppasswd

yppasswd permite mudar a senha do usuário nas páginas amarelas do sistema.

5 comandos Linux para se comunicar

Comunicação é fundamental para quem trabalha na área de tecnologia. Assim como várias rotinas, ela pode ser feita, também, com o apoio do terminal. Veja como a seguir!

1. mail

Esse comando simples abre espaço para uma interface para enviar e receber e-mails.

2. mesg

Com o mesg você pode habilitar ou negar o envio e o recebimento de mensagens pelo terminal. Elas são enviadas via rede para outro computador com o terminal ativo.

3. pine

Utilize o pine para enviar e receber e-mails.

4. talk

Com o talk é possível falar com outros usuários da sua rede.

5. write

Já o write facilita o envio de mensagens curtas de texto para outros usuários ativos.

6 comandos Linux para gestão de arquivos e diretórios

Os comandos a seguir são utilizados regularmente para quem trabalha com a manipulação de arquivos. Adote-os sempre que desejar fazer atividades avançadas no Linux. Confira!

1. chmod

Com o chmod você pode mudar a proteção de um arquivo ou diretório. Ou seja, facilita a liberação de privilégios de edição, visualização e compartilhamento de dados entre usuários.

2. cp

Adote o cp sempre que precisar copiar arquivos entre diretórios.

3. file

O comando file permite modificar rapidamente o tipo de arquivo do seu sistema.

4. grep

Com o grep você pode buscar arquivos a partir de padrões personalizados. Ele também pode ser feito para procurar internamente dentro de um arquivo. Se você estiver com o código-fonte de um programa aberto, por exemplo, pode filtrar todas as linhas que contêm uma variável ou função específica.

5. pwd

pwd exibe rapidamente o endereço do diretório que está ativo.

6. man

O man deve ser utilizado sempre existir alguma dúvida sobre o que pode ser feito. Ele exibe informações básicas, como os possíveis erros e opções para o comando selecionado. Basta digitar man [comando] para obter os dados.

A carreira de qualquer pessoa que trabalha com tecnologia, em algum momento, envolverá sistemas e soluções de TI de código-aberto. De linguagens de programação a softwares avançados, essas tecnologias são fundamentais para o dia a dia de quem desenvolve programas e cuida de hardwares.

Por isso, sempre busque renovar os seus conhecimentos e conhecer os comandos Linux fundamentais para as operações do sistema. Isso te dará agilidade e capacidade de entregar mais com menos erros. Além, é claro, de tornar o seu fluxo de trabalho muito mais prático.

Gostou da nossa dica? Então não deixe de conferir outros conteúdos sobre tecnologia.

0 Shares:
Você também pode gostar