Imagine se, caso você quisesse, nunca mais precisasse digitar algo nas caixas de pesquisa novamente. Ou, ainda, imagine que você não precisasse mais abrir websites para procurar informações e nem ao menos lê-la, já que o trecho seria automaticamente selecionado e lido para você. A única coisa que você precisaria fazer é conversar com seu computador e ele se encarregaria de cumprir com o restante. Apesar de parecer coisa de ficção científica, isso já é uma realidade! 

“E aí, Siri?”. É preciso dizer apenas essas palavras para acionar a famosa assistente de voz da Apple, a Siri. A ferramenta da multinacional americana compõe o grupo de inteligências artificiais utilizadas para facilitar o uso de diversos dispositivos e otimizar a produtividade cotidiana por meio da realização de pequenas tarefas, como a criação de eventos, notas e a possibilidade de enviar mensagens ou fazer ligações sem precisar utilizar as mãos. 

Tem interesse em conhecer mais sobre essa assistente virtual, sua história e o que ela pode fazer por você? Então, nos acompanhe nessa leitura:

Boa leitura, e lá vamos nós!

O que é Siri?

Siri é a assistente virtual controlada por voz que integra os dispositivos da Apple. Ela foi designada para oferecer um apoio contínuo às funções de aparelhos como iPhone, iPad, Apple watch, iPod touch, Mac, entre outros, por meio da simples troca de palavras. A ideia é que você consiga conversar com ela como falaria com uma pessoa próxima, que te ajudaria a fazer o que estivesse ao seu alcance. 

Além disso, a Siri é capaz de acessar outros aplicativos que são incorporados nos dispositivos Apple, como Email, Mapas, Safari, Mensagens, etc. Você pode pedir para ela mostrar algo, fazer perguntas ou pedir para que ela execute determinadas funções por meio de outros aplicativos. Lembrando que a Siri necessita de um acesso à internet para funcionar.

A história da Siri

Por incrível que pareça, o primeiro protótipo da Siri existe desde 1993! Adam Cheyer, profissional que trabalhava no centro de pesquisa SRI International para encontrar uma forma de relacionar humanos e máquinas por meio de interface gráfica, desenvolveu a tecnologia por trás da Siri por quase duas décadas antes de lançar um aplicativo para Apple Store em 2010. 

Alguns meses depois, Steve Jobs, fundador da Apple, contatou Cheyer e sua equipe e se ofereceu para comprar a tecnologia. Apesar de um pouco resistentes no começo, alguns reports mostram que a Apple comprou a Siri por mais de 200 milhões de dólares. Depois disso, o aplicativo foi retirado do ar e só passou a integrar os dispositivos Apple em 4 de outubro de 2011, um dia antes da morte de Jobs. Sua versão em português brasileiro chegou somente em 2015, na versão 8.3 do software. 

O nome “Siri” foi baseado em uma colega de trabalho norueguesa de um dos criadores da equipe original de desenvolvimento da ferramenta.

Siri: como funciona e qual a tecnologia por trás dela

Para que a Siri possa funcionar, ela precisa de três componentes que se encontram dentro dos campos da inteligência artificial e do processamento de linguagem natural, e estes são: 

Interface conversacional

Diz respeito à forma como você e a Siri se relacionam, e como ela é capaz de compreender o que está dizendo. Envolve um bom reconhecimento individual das palavras para diferenciar uma das outras e saber quais delas você está tentando dizer. 

Consciência do contexto pessoal

É aqui que entra em ação o aprendizado de máquina e as diversas estatísticas e probabilidades que a Siri levantará para conhecer você melhor. A partir de seus hábitos, escolhas de palavras-chave e linguagem utilizada, Siri é capaz de aprender e se adaptar ao seu contexto pessoal. Isso significa que ela poderá prever ações e personalizar resultados. 

Aqui também está presente a etapa de decifrar a informação proveniente da interface conversacional e traduzir para uma linguagem que a Siri seja capaz de compreender. 

Delegação de serviço

Esse último componente é referente ao acesso aos aplicativos e serviços incorporados ao software da Apple. Só assim a Siri consegue assistir às pessoas usuárias em suas tarefas, pois, sem a delegação, ela não seria capaz de redirecionar um serviço que estivesse em outra aplicação. 

Alguns comandos para a Siri que vão ajudar você no dia a dia!

Por ser uma assistente virtual acionada por voz, a Siri pode realizar para você muitas ações apenas por meio de um comando de voz. Para isso, basta apenas despertá-la com “E aí, Siri?” e inserir seu comando. Vamos conhecer alguns que são bem úteis?

Reproduzir Música

Você pode pedir para que a Siri toque uma música para você. Caso não tenha um título em específico, você pode pedir para ela tocar pelo gênero, ou apenas ao acaso.

  • “Toque uma música”
  • “Toque Sertanejo”
  • “Toque a música Don’t Start Now da Dua Lipa”

Obs: originalmente, a Siri utiliza o aplicativo Apple Music para reproduzir músicas. Pode ser que essa função esteja indisponível caso você não utilize o serviço.

Abrir aplicativos

A Siri é capaz de executar qualquer aplicativo que esteja instalado em seu dispositivo, basta dizer “Abrir” ou “Jogar” e o nome do aplicativo.

  • “Abrir Facebook”
  • “Abrir Twitter”
  • “Jogar Among Us”

Gerenciar alarmes e despertadores

Para que essa função funcione, é importante dizer as horas e minutos após a ação desejada:

  • “Marque uma reunião para amanhã às 15 horas e 30 minutos”
  • “Coloque um alarme para as sete da manhã”
  • “Me acorde amanhã às oito da manhã”

Fazer ligações ou enviar mensagens

A Siri pode enviar mensagens por meio de SMS e Whatsapp, além de ligar para contatos. No caso da ligação, basta dizer apenas o nome da pessoa. Caso queira enviar a mensagem, diga para quem se endereça e seu conteúdo.

  • “Enviar uma mensagem para Ana pelo Whatsapp dizendo que me atrasarei para a reunião reunião”
  • “Enviar uma mensagem para mãe dizendo Feliz Aniversário”
  • “Ligar para Pai pelo FaceTime”
  • “Ligar para Paulo”

Além de todas essas funções, você ainda pode dar o comando “O que você pode fazer?” e a Siri lhe mostrará uma lista de possíveis comandos para outras ações. 

Como você viu, a assistente de voz da Apple pode auxiliar as pessoas em diversas tarefas ao longo do dia a dia, sem utilizar as mãos para isso. Para acioná-la, basta apenas chamá-la com “E aí, Siri?” e falar o comando desejado. 

Gostou do nosso conteúdo? Que tal aproveitar a visita ao nosso blog para conhecer o Jogo do Dino do Google e curiosidades sobre ele?

0 Shares:
Você também pode gostar