Você já chegou a perguntar para alguém qual era a profissão dela, e ela respondeu “desenvolvedor web”? Ou você já parou para pensar como os sites e aplicativos vão parar na internet para milhares de pessoas terem acesso? Pois bem, a pessoa desenvolvedora web ou programadora é responsável por todo esse trabalho de analisar, planejar e desenvolver.

Com o grande aumento do mundo tecnológico, o desenvolvimento de sites e aplicativos vêm sendo cada vez mais requisitado, seja ele do mais simples ao mais complexo. Para entender melhor a respeito, fique com a gente. Desejamos a você uma ótima leitura!

O que faz um desenvolvedor web?

O desenvolvimento Web é uma das principais áreas do mundo da tecnologia. Ela é voltada para o desenvolvimento de páginas para internet, seja de um aplicativo, um site, um e-commerce, entre outros softwares no geral. Provavelmente, se você está ingressando no mercado, muitas vezes você acaba se identificando como pessoa programadora, mas sem saber ao certo qual é a sua especialidade. Com isso, podemos observar com mais detalhes as três áreas do desenvolvimento web abaixo.

Antes de prosseguir, aproveite e faça o download do material sobre Profissões do Futuro. O desenvolvedor web pode ser uma profissão do futuro, mas há muitas outras. Entenda quais outras carreiras farão sucesso no mercado.

Banner de download de ebook sobre Profissões do Futuro

Desenvolvedor Web Front-end

Responsável por desenvolver toda a parte visual de uma página web por meio de HTML, CSS e Javascript, sendo possível utilizar também algumas bibliotecas e framework como JQuery, React, Angular, etc., fazendo com que a pessoa usuária consiga navegar e ter uma maior interação com a página.

Com o grande crescimento da área de UX (User Experience), a pessoa desenvolvedora tem como objetivo desenvolver toda a estrutura da página pensando na experiência que o usuário ou usuária terá ao navegar na página.

Desenvolvedor Web Back-end

Em oposição à pessoa desenvolvedora front-end, a pessoa desenvolvedora back-end é responsável por tudo aquilo que envolve a parte interna de um software. Trata-se da pessoa profissional que faz toda a integração com o banco de dados, conexões com API e requisições para a página.

Existe um mundo de linguagem de programação muito grande no ramo de desenvolvimento back-end, porém as mais utilizadas são: 

  • PHP
  • Python
  • Java
  • C#
  • Ruby

Todas as linguagens de programação também tem como finalidade a proteção de informações importantes dentro do código e, até mesmo, a interação que a pessoa usuária possui com um recurso, como um formulário, por exemplo.

Desenvolvedor Web Full-stack:

A pessoa desenvolvedora Full-stack tem um conhecimento mais amplo que as citadas anteriormente — tanto em back-end quanto em front-end — pois ela reúne técnicas e conhecimento dos dois lados, sendo possível atuar em ambas as áreas ao mesmo tempo. Profissionais assim geralmente são contratados para um cargo de liderança em relação ao projeto.

Ao enxergar o projeto como um todo, geralmente o desenvolvedor ou a desenvolvedora fica responsável por pegar demandas a serem desenvolvidas e fazer manutenções mais complexas no código.

Como é a carreira e o dia a dia de um desenvolvedor web?

Você já deve ter imaginado que um desenvolvedor ou uma desenvolvedora ficam milhares de horas olhando para várias letrinhas e números, não é? Apesar de grande parte do dia a dia ser o desenvolvimento do código, outras atividades também fazem parte dos afazeres de uma pessoa desenvolvedora.

O desenvolvedor ou desenvolvedora web fica responsável por toda a parte do desenvolvimento, desde o planejamento até o produto finalizado, garantindo o funcionamento de todo o software.

Algumas responsabilidades no dia a dia de uma pessoa desenvolvedora são:

  • Realizar manutenções no software;
  • Criar features para uma página na internet;
  • Realizar testes de performance;
  • Se preocupar com vulnerabilidades no código;

Pode-se dizer que é uma área bastante desafiadora, que está em constante mudança e, consequentemente, as responsabilidades e afazeres aumentam cada vez mais.

Quais as habilidades necessárias para ser um desenvolvedor web?

Para se tornar uma pessoa desenvolvedora web não existe uma regra ou um passo a passo que deve ser seguido. Existem habilidades que são importantes no dia a dia, mas existem também as que você acaba adquirindo com a experiência. No entanto, algumas habilidades podem auxiliar no processo, como:

  • Estudar: Um dos pontos importantes para se tornar um bom desenvolvedor ou uma boa desenvolvedora web é sempre estar se atualizando com as novidades do mercado. Isso inclui seguir alguns artigos, escolher tutoriais na internet e assistir cursos online para ter um maior entendimento sobre como cada coisa funciona.
  • Escolher qual especialização seguir: Ao iniciar no mundo da programação, é normal que ainda não tenhamos um caminho a ser seguido. Porém, sempre haverá algo que gostamos mais, seja ela a parte visual ou a parte lógica. Com isso, ao iniciar na área, é importante tentar definir qual especialização lhe interesse mais para que, ao arrumar um emprego ou até mesmo estudar um assunto, você saiba qual caminho seguir.
  • Ganhar experiência: Um bom currículo e a experiência no mundo do desenvolvimento é um passo muito importante a se dar. Começar por freelancers ou trabalhos voluntários é uma ótima ideia. Você pode imaginar que ao realizar um trabalho voluntário você estará trabalhando de graça para outra pessoa, porém futuramente, a experiência adquirida com isso poderá fazer muita diferença.
  • Desenvolver seu portfólio: A melhor forma de mostrar algo que você sabe é na prática. Sendo assim, ter um portfólio online desenvolvido por você é muito importante. Ele vai ajudar você a visualizar o seu progresso e possibilitar que, ao participar de uma entrevista, a pessoa entrevistadora consiga ver o seu trabalho. Além disso, seu portfólio pode ser encontrado e melhores oportunidades poderão surgir a partir disso. 

Quais linguagens de programação são mais usadas no desenvolvimento web?

Cada especialidade no desenvolvimento web apresenta uma ramificação de linguagens diferentes, mas, ainda assim, existe uma grande variedade de linguagens de programação que são utilizadas. Algumas são mais conhecidas e estão em alta no mercado, outras já não estão mais tão em alta, mas também são bastante utilizadas. Elas são:

Javascript

Javascript é uma das linguagens que está em alta no mercado atualmente, sendo possível desenvolver aplicações tanto desktop quanto mobile, incluindo também diversos frameworks e bibliotecas que dependem dessa linguagem.

PHP

Também bastante usada para a construção de páginas web. Tem como maior objetivo a construção de funções tornando a página mais interativa para a pessoa usuária final. Além disso, com o PHP também é possível fazer integração entre APIs e banco de dados.

Python

Python é uma das linguagens de programação mais simples de aprender. É bastante utilizada para o desenvolvimento web e Machine Learning. Sua leitura é fácil de entender e, apesar de ser uma linguagem um pouco antiga, ainda é muito requerida no mercado de trabalho.

Java

É uma linguagem de programação bastante conhecida pelos desenvolvedores e desenvolvedoras da área. Ela é voltada para o desenvolvimento de programas em geral e aplicativos mobile, porém existe a opção de Java para web.

Quais as diferenças entre desenvolvedor web e web designer?

Muitas pessoas costumam se confundir quando falamos sobre desenvolvedor web e web designer. Ambos termos parecem ser bem parecidos, mas na realidade são duas responsabilidades completamente diferentes, apesar de interdependentes. 

A  pessoa Web Designer geralmente desenvolve a parte do layout do site a aparência, já a desenvolvedora Web transforma esse layout estático em uma página totalmente funcional, na qual a pessoa usuária final possa ter uma maior interação.

Podemos entender que, assim como existem diversas áreas dentro de uma empresas, há também a diversidade de áreas dentro do desenvolvimento web. Ser uma pessoa Web Designer não é diferente. Dentro desse ramo existe a especialização de UX que estuda toda a parte da experiência do usuário ao utilizar um determinado software. Já a especialização de UI é responsável por cuidar da interface do usuário, fazendo com que ela seja mais simples e mais amigável.

Quais as vantagens de se tornar um desenvolvedor web?

Assim como qualquer outra profissão, ser uma pessoa desenvolvedora web possui várias vantagens. Nessa seção, vamos ver algumas vantagens que podem ser bem atraentes para algumas pessoas que estão iniciando na área como:

  • Oportunidade de trabalhar home-office: Essa é uma das vantagens que mais chamam a atenção nessa área, poder realizar o trabalho em casa ou em qualquer lugar do mundo. Além disso, é possível receber propostas de trabalho do mundo todo, sem ter que mudar de cidade ou haver a necessidade de se locomover.
  • Criar seus próprios projetos: Nessa área, temos muita liberdade em atuar em diversos projetos diferentes. Com isso, ao ganhar uma certa experiência, é possível desenvolver seus próprios softwares com o conhecimento adquirido.
  • Oportunidade de Freelancer: Além de ter o seu emprego, ainda é possível prestar serviço para outros lugares. Hoje em dia há grande quantidade de empresas oferecendo ofertas de projetos para trabalhar de forma autônoma. Sendo assim, é possível ganhar uma renda extra e mais experiência para executar outros projetos.
  • Grande quantidade de emprego: Como falado nas sessões anteriores, o mundo da tecnologia vem crescendo cada vez mais e, como consequência, as empresas estão precisando cada vez mais de pessoas para colocar um software na internet, por exemplo.

Quais as dificuldades enfrentadas pelo desenvolvedor web?

A cada ano que passa, pessoas e empresas estão cada vez mais precisando de uma página na internet, seja para divulgar seu trabalho ou até mesmo vender algo. Com isso, as demandas vêm sendo cada vez maiores, mais complexas e com uma maior exigência.

Algumas das dificuldades enfrentadas no dia a dia de uma pessoa desenvolvedora web são:

  • Mudanças de layout ou funções durante o desenvolvimento do software;
  • Alguns requisitos que acabam sendo priorizados por clientes de última hora;
  • O tempo de desenvolvimento, algumas vezes, não sai como o planejado;
  • Saída de um desenvolvedor ou desenvolvedora do projeto;
  • Algum impedimento no momento de executar a tarefa;
  • Infraestrutura ruim;
  • Dificuldade em conversar com o suporte de alguma plataforma que está sendo utilizada;

Quanto ganha um desenvolvedor web? Salário!

Antes de seguir para o próximo tópico, deseja saber quanto recebe alguém que trabalha em alguma profissão digital? Faça o download do Guia das Profissões Digitais e confira a remuneração de profissionais, juniores, plenos e sêniores de 30 carreiras digitais.

banner para download de guia das profissões digitais 2022

Quando buscamos um emprego, é normal a primeira coisa que vem em mente ser “qual é o salário e os benefícios?”

No desenvolvimento Web, assim como todas as outras áreas, o salário vai depender muito de alguns fatores que são contados pelas empresas, como a experiência que a pessoa desenvolvedora tem, o cargo, a quantidade de horas trabalhadas por dia, onde a empresa está localizada, entre outros requisitos que podem influenciar no momento da contratação e consequentemente no valor do salário.

Imaginando o cenário no qual uma pessoa candidata vai atuar em uma empresa em São Paulo, já possui uma média 5 anos de experiência, apresentando uma autonomia maior em relação ao trabalho a ser feito e uma área de especialização definida, seu salário será maior do que uma pessoa desenvolvedora que tem menos tempo de experiência e não tenha uma autonomia em relação ao trabalho a ser desenvolvido.

Atualmente uma pessoa desenvolvedora web que tem entre 3 a 5 anos de experiência pode ser considerada um(a) desenvolvedor(a) Pleno com o salário médioa partir de R$5000,00.

Como está o mercado de trabalho para o desenvolvimento web?

Pode se dizer que, com o grande aumento das empresas, automaticamente a quantidade de demandas vem sendo cada vez maior, e com isso o mercado na área da tecnologia vem ficando cada vez mais aquecido.

Muitas pessoas têm em mente que a maior parte das contratações acontecem apenas com pessoas desenvolvedoras full-stack. No entanto, existe uma certa quantidade de habilidades requisitadas que podem se encaixar em front-end, back-end ou full-stack.

Como se tornar um desenvolvedor web com o curso da Trybe? O passo a passo!

Com a Trybe, é possível se tornar um desenvolvedor ou desenvolvedora web de sucesso!

A Trybe oferece uma formação de desenvolvimento web completa desde o básico até o avançado, com diversas atividades práticas, preparando você para o mercado de trabalho.

O curso tem uma duração de aproximadamente 12 meses, com cerca de 1500 horas de conteúdo com muita qualidade, sem contar que pode ser feita em qualquer lugar, com uma grande flexibilidade de aulas online e ao vivo.

Por ser uma escola que sempre está acompanhando as novidades do mercado, a Trybe também trabalha com a pessoa estudante em relação a Soft Skills, que são qualidades comportamentais que podem auxiliar no momento de uma contratação, por exemplo.

Para finalizar, o nosso curso é dividido em quatro módulos, sendo o primeiro os fundamentos do desenvolvimento web, o segundo o desenvolvimento Front-end, o terceiro desenvolvimento back-end e, por último, ciência da computação — todos eles sempre trabalhando as metodologias ágeis e soft skills.

Quer saber mais sobre a formação da Trybe de forma detalhada? Assista o vídeo abaixo.

Para participar é muito simples, você só precisa entrar nesse link e criar seu cadastro. Depois, é só seguir as instruções no site. As turmas abrem esporadicamente, logo, preste bastante atenção nos prazos e nas datas de abertura de novas turmas!

Quanto tempo leva para ser um desenvolvedor web?

Infelizmente, podemos dizer que não existe um tempo exato para você se tornar uma pessoa desenvolvedora web

Afinal, depende de cada pessoa. Algumas podem ter suas dificuldades, seus impedimentos, o que pode acabar aumentando um pouco o tempo de aprendizado. No entanto, se você tem uma maior facilidade nessa área, isso poderá contribuir muito para o seu desenvolvimento e, consequentemente, o seu tempo de aprendizagem vai ser menor.

É importante somente não estabelecer comparações. Afinal, todas as pessoas têm seu próprio tempo de aprendizagem e diferentes situações. O tempo de formação somente dependerá da disponibilidade de tempo para estudos e da dificuldade de assimilação de cada pessoa. 

Dicas que um desenvolvedor web iniciante deve saber!

A seguir confira algumas dicas para dar início a essa nova jornada:

Não pule etapas

Com a grande quantidade de vagas, informações, frameworks novos, existe uma grande chance de querermos pegar tudo para estudar, ou até mesmo sair desenvolvendo as coisas mesmo sem entendê-las por completo. Como consequência disso, as coisas acabam ficando incompletas. Temos que tomar cuidado ao estudar um framework, por exemplo, sem saber a base dele.Logo, é muito importante que seja seguido um caminho específico para se chegar em algo mais complexo.

Seja persistente

Ao pegar uma determinada tarefa para tentar resolver e seguir por um caminho, por vezes no meio possa surgir um erro que faça com que pareça que há estagnação.Porém, não se preocupe. Isso é o que mais acontece com a maioria das pessoas desenvolvedoras. Seja persistente, não desista e, mesmo se levar um pouco mais de tempo que o planejado, tente chegar em uma solução.

Siga seus objetivos

É muito importante que, quando você iniciar na área do desenvolvimento, tenha algumas metas e objetivos bem definidos. No momento de colocar a mão na massa e começar a programar, você saberá qual caminho deve ser seguido, o que realmente você precisa estudar e onde você deseja chegar com isso.

Pesquise muito

Além de todo estudo e desenvolvimento, a internet acaba se tornando sua melhor amiga. Muitas vezes, em caso de dúvidas, existem diversas comunidades que podem acabar auxiliando no andamento da tarefa, sem contar a grande quantidade de informações novas que vão surgindo no cotidiano fazendo com que você sempre esteja acompanhando o mundo da tecnologia.

O desenvolvimento web é uma área fértil e muito importante dentre as especializações de desenvolvimento. Pessoas desenvolvedoras podem trabalhar tanto no lado servidor quanto no lado cliente de aplicações, o que dá um mundo de possibilidades. Se você está decidindo sobre qual carreira seguir, programar sites pode ser uma alternativa bem interessante, portanto, pesquise mais sobre o assunto e aprenda mais sobre as linguagens da área!

O que você achou sobre saber mais sobre desenvolvimento web? Aprenda agora sobre as aplicações web, o que são e como funcionam!

Você também pode gostar