Durante muito tempo, as habilidades técnicas, também chamadas de hard skills, foram o elemento decisivo para contratar ou não um profissional. No mercado de trabalho atual, no entanto, são as soft skills que diferenciam as aptidões dos profissionais para determinada vaga ou função.

Diferentemente das hard skills, que são um conceito bastante conhecido, a valorização dessas habilidades é uma tendência recente e, por isso, é comum que os profissionais não entendam exatamente quais são ou como desenvolvê-las.

Explicaremos agora, em detalhes, o que são soft skills, falaremos da importância de desenvolvê-las e também vamos explicar quais são as mais requisitadas pelo mercado de trabalho.

Entenda o que são soft skills e o que as diferencia das hard skills

Para entender as diferenças entre soft e hard skills, é importante primeiro conceituá-las. A palavra skill significa habilidade, sendo possível definir hard skills como habilidades técnicas e objetivas, que demandam treinamento específico, como domínio de idiomas ou ferramentas de edição de vídeos, por exemplo.

as soft skills são habilidades e competências pessoais, que estão mais ligadas a características de cada colaborador e que auxiliam na interação no ambiente de trabalho, no desenvolvimento de processos e na comunicação organizacional como um todo.

Por serem habilidades mais subjetivas, como boa oratória, liderança e criatividade, elas estão muito mais atreladas ao perfil de cada profissional do que a sua formação ou treinamentos. Por isso, são também características que variam de acordo com as demandas de cada função e tarefa.

Além disso, é interessante adotar o seguinte raciocínio: as habilidades objetivas, que podem ser treinadas e que demandam processos específicos para seu aperfeiçoamento são hard skills; enquanto as habilidade subjetivas, que estão ligadas ao tipo de perfil profissional, sua área de atuação e capacidades, são soft skills — sendo importante a junção de ambas para um colaborador de resultados.

Qual a importância de desenvolvê-las?

Enquanto as habilidades técnicas podem ser ensinadas e replicadas de forma relativamente fácil, por meio de capacitações e treinamentos, as soft skills demandam maior comprometimento e adaptação à cultura da empresa .

Para desenvolver capacidades de liderança e gestão, por exemplo, é necessário que o profissional busque aprender diversos outros elementos, como comunicação eficiente, gestão de pessoas, cultura de feedback, dentre outros, o que exige dedicação e clareza de objetivos.

Além disso, aquele que conta com habilidades específicas alinhadas com as demandas do mercado, como as que apresentaremos abaixo, tem mais chances de se destacar em processos seletivos e de conquistar boas oportunidades no mercado de trabalho.

Conheça as soft skills mais requisitadas pelo mercado

Agora que você entendeu melhor o conceito e as principais diferenças entre soft e hard skills e também conheceu a importância de desenvolvê-las, é interessante saber quais são as principais habilidades exigidas pelo mercado para os profissionais de alto desempenho.

Boa comunicação

A comunicação interpessoal é uma habilidade fundamental para o profissional que deseja se destacar no mercado de trabalho. Saber se comunicar, tanto com sua equipe quanto com a diretoria, é importante para que seja possível alinhar expectativas, compreender melhor as demandas e demonstrar seu interesse em se desenvolver dentro do ambiente de trabalho.

Capacidade de pensamento crítico

Durante muito tempo, os profissionais se limitaram a desenvolver apenas aquilo que eram demandados pela empresa, mas, atualmente no mercado de trabalho, é fundamental pensamento crítico, já que muitas vezes as decisões e ideias devem partir do próprio colaborador.

Habilidade de liderança e gestão

Liderança e gestão são duas habilidades que caminham juntas e que podem ser consideradas de grande importância para o mercado de trabalho. Em ambientes de crescimento acelerado, como startups de tecnologia, saber liderar e gerir pessoas de forma eficiente e humanizada é o diferencial necessário para que os profissionais possam crescer em suas carreiras.

Trabalho em equipe

Outra soft skill de fundamental importância para o mercado é o trabalho em equipe. Para que o profissional tenha desempenho de excelência, é necessário que ele saiba trabalhar de forma eficiente com seus colegas, estejam eles no mesmo local ou atuando de forma remota, onde o colaborador pode desempenhar suas funções de casa ou de outro local desejado, unificando habilidades em prol dos objetivos da empresa.

Flexibilidade e adaptabilidade

A flexibilidade e a adaptabilidade também são soft skills muito valorizadas pelo mercado de trabalho, especialmente nas áreas de tecnologia.

Isso se deve ao fato de que, na área, os profissionais costumam transitar por diversos departamentos e funções ao longo da carreira, sendo necessária também para funções de liderança.

Ética de trabalho

A ética de trabalho é muito valorizada pelas empresas, já que significa que o colaborador é capaz de atuar de maneira honesta, objetiva e eficiente, tanto seguindo instruções quanto produzindo de forma independente. Essa é uma das principais características analisadas pelos recrutadores e pelos gestores de equipes em um processos seletivos.

Veja como as soft skills diferenciam os profissionais de tecnologia

Por seu impacto direto na produtividade e também sua importância para o desenvolvimento profissional, essas habilidades podem fazer toda a diferença para quem atua na área de tecnologia — já que exigem comprometimento e vão além do aprendizado técnico.

Além disso, durante uma entrevista de emprego, profissionais da mesma área com currículos semelhantes, mas que mostrem diferenças que vão além das suas habilidades técnicas, tendem a se destacar durante o processo seletivo.

Como é possível concluir, é fundamental que os profissionais de tecnologia compreendam e desenvolvam suas soft skills, já que elas são elemento fundamental para que o profissional se destaque ao longo de sua carreira e ganhe visibilidade nas empresas em que atua.

Ter habilidades de liderança, gestão e empatia são elementos que demonstram o interesse e o comprometimento do colaborador com seus objetivos e permite que a empresa desenvolva projetos de mais qualidade e com melhores resultados.

O que você achou de aprender o que são as soft skills e sua importância? Conseguiu identificar quais são suas principais soft skills e como fortalecê-las? Se gostou desse conteúdo acompanhe as nossas novidades nas redes sociais. Estamos no FacebookTwitter e  Instagram

5 Shares:
Você também pode gostar