Quando falamos do mercado de TI, a geração Y (ou Millennials) é aquela que viu a tecnologia se desenvolver e tomar forma. 

Uma geração pode ser considerada um conjunto de indivíduos que nasceram dentro do mesmo espaço de tempo. Logo, que compartilham os mesmos espaços sociais comuns, como escola e trabalho. Por conta disso, é muito comum que várias pessoas integrantes de uma mesma geração disponham de comportamentos semelhantes. 

Gerações têm, em média, 25 anos. Este é o tempo que leva para que o comportamento e estrutura social de todo um grupo seja modificado. Porém graças ao avanço da tecnologia, o intervalo entre gerações está se reduzindo para 10 anos. De qualquer modo, conhecer o pensamento e filosofia de uma geração é importante para compreender todo um nicho do mercado, bem como os tipos de pessoas consumidoras que pertencem a ele.

Por isso, preparamos este artigo para que você conheça mais sobre a curiosa geração Millennials que nasceu junto com a globalização e o avanço da era tecnológica e digital! Confira os tópicos que selecionamos para você:

Boa leitura, e vamos lá!

Quem são os Millennials?

Não existe consenso sobre quando começa ou termina a Geração Y. Algumas fontes afirmam que seu início é no ano de 1979, com término em 1995. Outras afirmam que as primeiras pessoas Millennials começaram a nascersomente em 1982, e que a próxima geração surgiria só após os anos 2000. 

Millennials são provenientes de uma época em que o mundo passava por uma crise financeira, enquanto os meios de comunicação e a internet se desenvolviam e espalhavam pelo globo. Apesar de não serem “nativas” do mundo digital (diferente da geração seguinte, chamada de Z), Millennials viram um mundo analógico se tornar digital e hoje são conhecidas por estar conectadas 24 horas por dia.

Essa geração tem um forte apelo para cultura e a utiliza como forma de obter educação e conhecimento. Além disso, em relação a gerações anteriores, Millennials ou não estão se casando ou o fazem mais tarde, e também não são inclinadas a ter filhos. Porém, as semelhanças acabam por aqui e alguns estudiosos acreditam que existam dois tipos de Millennials.

Dois tipos de Millennials 

Apesar das semelhanças, existe um abismo entre a pessoa Millennial mais jovem e a mais velha. Por conta disso, um estudo conduzido pela Google indica que a geração Millennials precisa ser dividida em dois grupos menores para ser melhor compreendida. 

Millennials Jovens

Esse grupo teve sua infância e adolescência nos anos 2000. Por ser mais próximo da geração Z, são pessoas mais habituadas com a internet e seu uso. Como ele conheceram um mundo cuja economia não estava muito estável, tendem a ser mais conservadores e realistas em relação às finanças.

Além disso, o grupo jovem tende a viver a vida mais intensamente e têm como objetivos se formar em uma carreira universitária ou preparar tecnicamente para o mercado de trabalho. 

Millennials Velhos

Já o grupo mais velho de Millennials viu a ascensão da internet e dos aparelhos eletrônicos, mas viveu grande parte da infância e adolescência sem esses itens. Isso faz com que essas pessoas não sejam tão habituadas quanto o grupo mais jovem.

Quando criança, esse grupo viu o mundo mudar rapidamente por conta de uma crise financeira repentina, o que faz com que essas pessoas arrisquem mais e sejam mais flexíveis economicamente

No quesito pessoal, o grupo de Millennials Velhos tende a sonhar em conquistar uma casa própria e seus próprios bens pessoais. As maiores preocupações são em relação a guardar dinheiro para viajar para o exterior e muitos integrantes do grupo desejam voltar a estudar ou se formar mais tarde. 

Quais as características da geração Millennials?

Agora que você já sabe as diferenças entre os dois grupos, vamos conhecer agora algumas das características gerais que fazem com que a geração Millennials seja única!

1 – Liberdade acima de tudo!

As pessoas dessa geração não gostam de se prender a planos rígidos ou longos planos de carreira para a vida toda — liberdade e criatividade são essenciais! Inclusive, muitos escolheriam um trabalho em que pudessem viajar ou então que permitisse um estilo de vida mais flexível. Assim como o matrimônio, a preocupação com a casa própria e os bens pessoais ficam em segundo plano. 

2 – Experiências como recompensa

Como essa geração valoriza a cultura e está sempre buscando conhecimento, o sonho de grande parte dessas pessoas é conhecer e explorar o mundo atrás de novas experiências. Por conta disso, muitas integrantes dessa geração não economizam com prazer — se a oferta é uma experiência única, não interessa quanto custa!

3 – Viva a diferença!

Essa geração é conhecida por abraçar mais as diversidades culturais e sociais em relação às gerações anteriores, respeitando todas as diferenças. Odeiam ser pessoas rotuladas e, acima de tudo, sentir que existe um limite. Além disso, seu consumo é mais sustentável e focado no meio ambiente. 

4 – Abaixo à burocracia!

Como nasceram na era da internet, as pessoas dessa geração estão acostumadas a fazer tudo por meio de um clique, no máximo. Isso significa que elas odeiam qualquer burocracia e querem agilizar processos. Além do mais, Millennials costumam ser multitarefas e adoram desafios. 

5 – Novas formas de consumo

Millennials procuram autenticidade nas marcas que consomem, além de uma identificação com seus valores e visão. Por isso, foi um desafio para o Marketing adequar-se às pessoas consumidoras dessa geração. Para conquistá-las, o produto deve ser o mais personalizado e original possível. A boa notícia é que, quando Millennials consomem de alguma marca, costumam se tornar fãs e fazê-lo com frequência. 

6 – Empoderamento é importante

A geração Millennials nasceu para acreditar que é protagonista em tudo o que faz e de fato procura tomar as rédeas de sua vida. Uma característica importante dessa geração é que muitas pessoas se sentem à vontade para assumir um papel de liderança. Se precisar, elas vão passar noites sem dormir e se dedicar para resolver um problema em prol da equipe. Entretanto, é importante que elas sintam que estão sendo valorizadas ou podem acabar se desmotivando facilmente.

Millennials no mercado de trabalho!

Apesar das expectativas no trabalho e da capacidade de liderança, Millennials não estão procurando por uma carreira sólida e inflexível, mesmo se encontrarem um salário recompensador. Portanto,sucesso profissional para Millennials é quando existe um equilíbrio entre a vida pessoal e profissional.

Entretanto, quando o objetivo é a carreira profissional, essas pessoas são capazes de focar, entendendo como maior recompensa o desenvolvimento e a “escalada” rumo ao emprego dos sonhos. Se precisassem escolher, as pessoas Millennials prefeririam uma trajetória profissional gratificante. Assim, o que Millennials procuram no mercado é flexibilidade e confiança. 

Falando mais sobre as características dessa geração, é comum que essas pessoas queiram incluir em sua trajetória profissional uma contribuição para uma causa humanitária, já que estão muito ligadas à cultura e desenvolvimento humano. Essas pessoas se sentem mais contentes e motivadas quando sentem que o que fazem contribui para um mundo melhor. 

Além disso, a tecnologia é essencial para essa geração e, como veremos adiante, essas pessoas tendem a estar mais ligadas a trabalhos e carreiras que permitam o uso de diferentes tecnologias. Muitas também preferem o trabalho remoto ao presencial, para que possam montar seus próprios horários. Vamos conhecer mais sobre a relação entre Millennials e tecnologia a seguir.

Entenda a relação da geração Millennials com a tecnologia!

O vínculo entre Millennials e tecnologia é muito forte. Como para essa geração a tecnologia vem de berço, procuram resolver problemas de todas as áreas da vida por meio da tecnologia. As pessoas Millennials utilizam as redes sociais para tudo, desde informação a lazer.

A tecnologia está presente em todas as áreas de suas vidas. Caso queira se comunicar com uma pessoa dessa geração, certamente pode contactá-la por meio das redes sociais. Para se relacionar, Millennials utilizam aplicativos de paquera. O cinema foi substituído pela Netflix e outros serviços de streaming. Além disso, essas pessoas não saberiam mais imaginar suas vidas sem serviços como Uber.

Em relação à carreira profissional, é muito comum o alto número depessoas Millennials que trabalham como desenvolvedoras, programadoras ou ocupam outros cargos na área de TI. Como a tecnologia é a sua vida, é comum que seus interesses profissionais estejam alinhados. 

Millennials é considerada a geração que nasceu com a tecnologia e está apta a dominá-la. Atualmente, ocupam uma grande parcela de pessoas no mercado de trabalho. Quando procuram por produtos para consumir, preferem marcas que oferecem personalização, alinhamento com seus valores pessoais e, preferencialmente, que apostam em uma abordagem voltada para a preservação do meio ambiente.

E aí, se identificou com a geração Millennials? Independentemente da resposta, aproveite a visita ao nosso blog e conheça mais sobre as Soft Skills, habilidades que são necessárias para qualquer geração no mercado de trabalho atual!

0 Shares:
Você também pode gostar