Não seria equivocado dizer que o Google domina a internet. Desde sua criação em 1998, o Gigante das Buscas não se conteve ao ranqueamento das páginas da internet e expandiu seu território em diversas áreas por meio de produtos com as mais variadas funções. O buscador é tão popular que 98% das pesquisas feitas em dispositivos móveis são por meio dele, enquanto os concorrentes competem pelo restante. 

Por conta de termos a sensação que o Google esteve presente desde sempre em nossas vidas, não é tão comum que a gente pense sobre seu processo de criação e nem mesmo quem são as pessoas responsáveis por isso.

Neste texto, você vai descobrir quem são os donos do Google e como foi que eles se conheceram e tiveram a ideia de uma das maiores e mais poderosas companhias da atualidade, além de conferir uma série de curiosidades sobre eles:

Boa leitura, e vamos lá!

Quem é o dono do Google?

Na verdade, o Google não tem um dono apenas, mas dois! Foram dois colegas da universidade de Stanford que idealizaram e deram vida ao Gigante das Buscas. Seus nomes são Larry Page e Sergey Brin.

Lawrence “Larry” Page nasceu no dia 26 de Março de 1973 em East Lansing, localizado no Michigan. Seu pai, Carl Page, era aficionado por ciência da computação e inteligência artificial, contribuindo substancialmente para o desenvolvimento dessas áreas. Sua mãe, Gloria Page, foi responsável por ensiná-lo a programar. Depois de se formar em Engenharia na Universidade do Michigan, Page decidiu focar cursar Engenharia da Computação na Universidade de Stanford, onde conheceu seu colega Sergey Brin.

Sergey Mikhaylovich Brin nasceu no dia 21 de Agosto de 1973 em Moscou, na Rússia. Brin é filho de um economista e matemático russo e de uma pesquisadora no Goddard Space Flight Center da Nasa. Ele e sua família vieram aos Estados Unidos em 1979 para escapar de uma perseguição às famílias judias. Após se formar em Matemática e Ciência da Computação na Universidade de Maryland, Brin conheceu Larry Page em Stanford. 

Inicialmente, Page e Brin criaram um mecanismo de pesquisa que funcionava por meio de um algoritmo que ranqueava e organizava as páginas da internet a partir de sua popularidade como um projeto para a universidade. Os donos do mecanismo o chamaram “Google” em homenagem ao termo matemático “googol”, que é 1 seguido de cem zeros — que representa a quantidade de informação disponível na internet que eles gostariam de organizar. 

Os fundadores do Google conseguiram angariar 1 milhão de dólares a partir de doações de familiares, amigos e outros investidores e lançaram a startup em 1998, sediada no coração do Vale do Silício, na Califórnia. Em 2004, os donos abriram a companhia para sua primeira oferta pública, o que fez com que eles se tornassem bilionários. Desde então, o Google recebe mais de um trilhão de pesquisas por ano. 

O que você e os donos do Google têm em comum?

Por mais que os fundadores do Google tenham uma história única de sucesso, o caminho de ambos foi trilhado por meio de muito estudo, esforço e trabalho duro. Vamos conferir alguns fatos sobre Larry Page e Sergey Brin que demonstram que talvez você e eles não sejam assim tão diferentes.

Os fundadores do Google não se deram bem no início

Larry Page e Sergey Brin se conheceram durante um passeio no campus da Universidade de Stanford. De acordo com algumas informações do próprio Google, eles discordavam em quase tudo quando se conheceram, porém logo se tornaram parceiros. Em uma entrevista, ambos declararam que tinham achado o outro desagradável quando se conheceram, isso porque eles tinham opiniões fortes em relação a tudo. 

Eles começaram do zero

Brin e Page não tinham recursos para começar a sua empresa e dependeram do investimento de família e amigos inicialmente. Na verdade, foi a atual CEO do YouTube, Susan Wojcicki, que cedeu a garagem na sua casa em Menlo Park para que os fundadores do Google pudessem montar seu escritório. Um ano depois ela se tornou gerente de Marketing do Google, criando os primeiros Doodles. 

Eles não tinham tanta experiência

Você já se perguntou o motivo pelo qual a página do Google é tão simples e minimalista? A resposta não é tão glamorosa. Na época da criação do Google, nem Page e nem Brin sabiam utilizar HTML. Isso demonstra que não é necessário ter experiência e ser expert em todas as áreas para começar uma carreira em tecnologia

Nem sempre as coisas saíram como planejado

Antes de sua criação, os donos do Google tentaram vender seu algoritmo para empresas como Excite e Yahoo!, mas elas rejeitaram a oferta por considerar que o mecanismo funcionava bem até demais. As páginas de busca naquele momento não tinham interesse em entregar a informação à pessoa usuária facilmente, já que grande parte da renda vinha de anúncios. Logo, a ideia de fazer com que a pessoa encontrasse e fosse redirecionada rapidamente para outro website era contra produtiva. 

Mesmo que Larry Page e Sergey Brin tenham fundado o Google e alcançado sucesso profissional, isso não significa que as coisas foram fáceis. Eles precisaram lidar com diferenças de opiniões, networking, limitações financeiras, falta de experiência e diversas rejeições para chegar até o status de donos do gigantesco Google.

Muitos desses obstáculos também estão presentes na trajetória profissional de pessoas que estão começando agora no mercado. O que a história de Brin e Page nos mostra é que ideias inovadoras, trabalho duro e muita dedicação podem ser a chave para uma carreira de sucesso!

Gostou de conhecer mais sobre os donos do Google, Larry Page e Sergey Brin? Então aproveite a visita ao nosso blog e conheça agora a história da Amazon, a maior rede de varejo mundial online!

0 Shares:
Você também pode gostar